Artigo

Orientações sobre vacinas

Conheça a importância da vacinação na criança e informe-se sobre o esquema de vacinas recomendado desde o nascimento.

Fontes: Programa Nacional de Vacinação - Direção-Geral da Saúde e Sociedade Portuguesa de Pediatria

Por serem vacinas seguras e eficazes, a Direção-Geral da Saúde aconselha todas as crianças a cumprir os esquemas de vacinação recomendados para a sua idade e estado de saúde.

O registo das vacinas é efetuado no "Boletim de Vacinas", distribuído a cada criança ao nascer juntamente com o Boletim Individual de Saúde.

As vacinas contra a tuberculose e a hepatite B são as primeiras a ser administradas ao recém-nascido.

Outras doenças infeciosas, como difteria, a tosse convulsa ou a poliomielite, são também alvo de vacinação durante a infância.
As vacinas incluídas no Programa Nacional de Vacinação são gratuitas, sendo geralmente administradas no Centro de Saúde da área de residência.

Vacinas Gratuitas

Vacinas - DGS

Fonte: www.dgs.pt

Atualizado em 01/06/2015.

Outras vacinas recomendadas

A Comissão de Vacinas da Sociedade de Infeciologia Pediátrica, da Sociedade Portuguesa de Pediatria, recomenda a administração de vacinas extra não incluídas no Programa Nacional de Vacinação.

Estas vacinas são prescritas pelo médico pediatra, que tem o dever de informar os pais sobre a sua existência e utilidade. As vacinas não são comparticipadas pelo Serviço Nacional de Saúde, ficando os custos a cargo dos pais.

Esclareça as suas dúvidas com o médico assistente e, caso seja necessário, solicite a avaliação da situação clínica da criança e a necessidade de vacinação complementar.

Newsletter

Receba dicas e conheça novos testemunhos todos os meses.

O seu endereço de e-mail

Data prevista para o parto

 

Siga-nos

Faça parte desta comunidade.


Com o patrocínio de: