Artigo

Controlar a dor durante o parto

Saiba mais sobre as estratégias e os conselhos dos especialistas que contribuem para o alívio da dor durante o trabalho de parto.

Com os testemunhos de: Antónia Prates, Enfermeira Especialista em Saúde Materna e Obstetrícia

A intensidade da dor no parto pode ser influenciada por muitos fatores, relacionados, por exemplo, com a genética, a ansiedade e medo durante o trabalho de parto, histórias anteriores de parto, a preparação durante a gravidez e o suporte recebido no hospital.

Métodos farmacológicos de alívio da dor

Durante a gravidez, a equipa de saúde deverá informar e esclarecer acerca dos métodos farmacológicos no alívio da dor durante o trabalho de parto. O mais conhecido é a analgesia epidural. Trata-se de uma técnica procedida pelo anestesista, que introduz um cateter na coluna lombar até à zona epidural, através do qual são administradas doses de analgésicos durante o trabalho de parto.  

Métodos não farmacológicos de alívio da dor

Estudos demonstram segurança e eficácia em técnicas não farmacológicas para aplicar no decurso do trabalho de parto, aumentando a segurança e o bem-estar da mãe e, portanto, beneficiando a evolução do parto. Por exemplo:

Deambular. Na fase de dilatação, a parturiente poderá beneficiar de posições verticais, tais como andar, sentar-se, levantar-se, fazer agachamentos, usar a bola do parto.

Banho de imersão. A parturiente poderá ter vantagens no recurso a banhos de imersão na fase inicial da dilatação, podendo acelerar esta etapa do parto. Em alternativa, poderá ser benéfico um duche com água morna.

Massagens. É um recurso que pode ajudar a reduzir a ansiedade da parturiente e aumentar o seu conforto. O pai poderá ter um papel chave quando orientado, idealmente durante a gravidez.

Aromoterapia e Musicoterapia. São métodos que podem também ajudar a aumentar a segurança materna e, simultaneamente, contribuir para a redução da ansiedade e do medo, dois fatores que podem ser inibidores do trabalho de parto.

Suporte durante o parto

Para ter bons resultados no alívio da dor durante o parto, é útil a mãe preparar-se para esta experiência, sendo também fundamental o papel de suporte do pai.

Os profissionais de saúde podem ser um contributo essencial para os casais. O Serviço Nacional de Saúde promove ações no âmbito da preparação para o nascimento. Alguns hospitais centrais e centros de saúde prestam, a nível nacional, informação útil para os casais. Há também iniciativas organizadas por instituições públicas que promovem ações pontuais sobre temas fundamentais, como a amamentação, a higiene do bebé e a vacinação.

Newsletter

Receba dicas e conheça novos testemunhos todos os meses.

O seu endereço de e-mail

Data prevista para o parto

 

Siga-nos

Faça parte desta comunidade.


Com o patrocínio de: